< Voltar

“Consegui transformar o descarte em arte”, diz o ecodesigner Pedro Petry

Utilizando madeiras não convencionais, ele trabalha com o conceito de aproveitamento das madeiras que seriam jogadas fora para criar suas peças

 

 

Há mais de 30 anos, venho desenvolvendo a percepção de valor e reforçando o potencial das madeiras que eram descartadas por serem consideradas defeituosas e conter rachaduras, nós, brancais e buracos. O que antes para mim era um protesto onde eu afirmava que nenhum recurso natural poderia ser desperdiçado, hoje, através do resgate desses resíduos e aplicando as técnicas corretas, de forma peculiar, consegui transformar as madeiras defeituosas em arte concreta, móveis e objetos utilitários.

Fiz especialização na Alemanha e Inglaterra e fui pioneiro na pesquisa e utilização de madeiras não convencionais, tais como as de árvores frutíferas como o caquizeiro, macieira, limoeiro, pereira, entre outras, que jamais foram utilizadas pelo mercado de consumo.

São peças e mobiliários que decoram ambientes internos e externos de casas, apartamentos, chácaras e também ambientes corporativos; dentro e fora do Brasil. Consegui transformar o descarte em arte. Eu me preocupo com a sustentabilidade e estou sempre em busca de técnicas e materiais de qualidade para o desenvolvimento dos projetos e que tragam o conceito de “matéria verde”.

Quero tornar verdadeiro o tripé da sustentabilidade: ecologicamente correto, quando se fala do produto de resíduo; socialmente justo, porque utiliza práticas em sintonia com a legislação; e por último, tornar o projeto economicamente viável. Percebo que essa visão contribui para a construção de um padrão de consumo consciente que vem, durante todos estes anos, atraindo um público cada vez maior, mas que muitas vezes não possui as informações necessárias sobre o produto que adquire, em especial quando se trata de madeira, uma matéria-prima nobre, que acompanha a história e a evolução da humanidade, mas que necessita de cuidados e critérios de uso para que possa ser conservada.

Sustentabilidade é o mote que sempre reforço, principalmente neste momento onde o debate ambiental está crescendo vertiginosamente. Desta forma procuro apresentar propostas diferentes, com um novo olhar e novo paradigma dentro da ótica da preservação e continuar usando esta metodologia nas minhas coleções.

https://www.instagram.com/atelierpedropetry/

https://www.facebook.com/AtelierPedroPetry/

http://www.pedropetry.com.br/

Compartilhe!
Share on FacebookTweet about this on TwitterEmail to someone